•                                        Seja bem vindo (a)!      Telefone (51) 3346-1909 | (51) 3346-6350
Nobreak ou Estabilizador? 

      Para se obter um sistema de informática confiável, a utilização de uma proteção é tão importante quanto a qualidade dos equipamentos que compõem seu sistema. Por isso o uso de Estabilizadores e/ou Nobreaks (ou UPS) tem se tornado tão difundido.

   

   

  • - ESTABILIZADOR:  Deve ser utilizado quando a voltagem da rede elétrica oscila entre valores abaixo ou acima do que deveria. Por exemplo, uma rede com voltagem de 220V, pode variar em alguns casos entre 180V e 270V, se tornando prejudicial aos equipamentos. 

         A maioria dos equipamentos são projetados para suportar uma variação de até 10%, ou seja, no caso de terem tensão de 220V, podem variar entre 198V até 240V. Submeter os equipamentos a tensões mais altas que o suportado pode gerar queima de componentes internos, assim como abaixo da tensão pode forçar demais o equipamento fazendo com que sua vida útil seja reduzida consideravelmente. 

          Um estabilizador corrige as oscilações da rede elétrica, impedindo que ocorram problemas com os equipamentos. No caso da rede oscilar demais e o estabilizador não tiver suporte, ele desliga os equipamentos para não danificá-los.

       IMPORTANTE: Ao adquirir um estabilizador verifique a potência em W dos equipamentos que serão conectados a ele e se certifique que a potência do estabilizador seja maior que a soma das potências dos equipamentos.

     
  • - NOBREAK: O nobreak tem a mesma função de um estabilizador porém desempenha uma função a mais que é garantir um tempo de autonomia para seu equipamento. 

         A autonomia é o tempo que o nobreak pode alimentar seu equipamento durante uma falta de energia elétrica, evitando o desligamento forçado do equipamento e a parda de arquivos que não foram salvos. Esse tempo pode variar de alguns minutos até algumas horas.

         A autonomia é fornecida pelas baterias internas do nobreak. Ao voltar a energia elétrica, o nobreak recarrega as bateria automaticamente e passa a funcionar somente como um estabilizador. 

         O tempo de autonomia do nobreak varia pela quantidade de baterias e a potência dele (W) em relação à potência dos equipamentos ligados a ele.

         IMPORTANTE: Ao adquirir um nobreak verifique a potência em W dos equipamentos que serão conectados a ele e se certifique que a potência do nobreak seja maior que a soma das potências dos equipamentos.

         Para entender melhor sobre como é feito o cálculo de autonomia acesse nossa página aqui.

       Para calcular o tempo de autonomia que o nobreak fornece automaticamente, consulte nossa pagina de Cálculo de Autonomia.

         Esses equipamentos podem ser ligados em Nobreaks da Line Interactive ou Line Senoidal, as diferenças entre os tipos de nobreaks disponíveis na Casa do Nobreak estão listados aqui.

   
 
       
     

      Para a escolha do nobreak ideal é importante seguir algumas etapas para não comprar um equipamento acima do necessário.

   

1- Qual tipo de quipamento você quer proteger: Existem nobreaks para diferentes tipos de aplicações, deve ser verificado quais equipamentos serão ligados ao nobreak. Nessa etapa se decide se você ceve comprar um equipamento de tecnologia mais simples, como um Line Interactive; ou um nobreak de tecnologia mais avançada como um Line Senoidal; ou um nobreak para uso de equipamentos mais sensíveis como o Online Dupla Conversão. Você pode conferir quais equipamentos se encaixam em cada classificação aqui.

   
2- A carga total dos equipamentos que serão ligados aos nobreaks: Após a escolha do tipo de nobreak, agora será observado qual potência de nobreak se deve escolher. Para isso você precisa somar a Potência (W) de todos os eletrônicos que você pretende somar aos nobreaks e a seguir procurar um nobreak que possua a Potência (W) superior ao total da Potência dos equipamentos. Quanto maior for essa diferença de Potência, maior será o tempo de autonomia que o nobreak fornecerá após a queda de energia elétrica.
       IMPORTANTE: a maioria dos nobreaks informa a Potência em VA. A potência que você precisa é a em W, para normalmente essa especificação em W consta nas características técnicas no manual do produto.

   

3- Tensão de entrada e saída: A tensão da rede elétrica da tomada deverá ser igual a tensão de entrada do nobreak. A tensão do equipamento que será ligado ao nobreak deverá ter a mesma tensao que a tensão de saída do nobreak.

   

4- Quanto tempo de autonomia você precisa: É importante verificar primeiramente a potência dos equipamentos que serão ligados ao nobreak, como visto no item 2 acima. Depois de verificar se a potência dos equipamentos está compatível com a potência do nobreak, deve se verificar a bateria e calcular o tempo de autonomia que ela dará para o seu equipamento. Lembrando que quanto maior é a diferença entre a potência do equipamento e a potência do nobreak, maior será o tempo de autonomia.

Seguindo como exemplo essa figura, temos os seguintes equipamentos para ligar à um nobreak: Tv LED 32', Playstation 4, Pc On board e um roteador. O total desses equipamentos será de 470W, portanto o nobreak que eles serão ligados deverão ter a potência superior a isso. Visualizando o catálogo de equipamentos da Casa do No Break, um nobreak adequado para esses equipamentos seria o Compact Plus Senoidal Digiseno 1000VA da NHS, pois além de possuir potência superior aos equipamentos ligados à ele, também forneceria em torno de 10 minutos de autonomia após a falta de energia.

Para entender melhor sobre como é feito o cálculo de autonomia acesse nossa página aqui.

Para calcular o tempo de autonomia que o nobreak fornece automaticamente, consulte nossa pagina de Cálculo de Autonomia.
  
  



      


  


  

   

Voltar
 

   

   

    

1NHS 
2SMS 
3TS 
4APC 
5FREEDOM 
6Global 
7Secpower 
8CNB 

 

PARCELAMENTO
Parcelamos em até 6 vezes sem juros presencialmente em nossa loja. Aceitamos os principais cartões de crédito.